Home Saúde Emoções – podem ser controladas?
Saúde - 07/30/2021

Emoções – podem ser controladas?

No que diz respeito à fisiologia, as emoções organizam as respostas de muitos sistemas biológicos, inclusive as expressões faciais, os músculos, a voz e o sistema endócrino, com vista a estabelecer um meio interno ótimo em prol de um comportamento mais efetivo

Eliana Pereira Ignacio
Olá meus caros leitores, hoje venho falar sobre emoções; uma palavra que vem do latim emotĭo, a emoção é uma alteração intensa e passageira do ânimo, podendo ser agradável ou penosa, que surge na sequência de certa comoção somática, a emoção desperta, em certa medida, um sentimento de agitação no indivíduo, expectante perante aquilo em que participa ou determinada circunstância. As emoções são reações psicofisiológicas, que representam modos eficazes de adaptação face às mudanças ambientais, contextuais e/ou situacionais. Em termos psicológicos, as emoções alteram a atenção e elevam o nível de determinados comportamentos na hierarquia de respostas do indivíduo.

No que diz respeito à fisiologia, as emoções organizam as respostas de muitos sistemas biológicos, inclusive as expressões faciais, os músculos, a voz e o sistema endócrino, com vista a estabelecer um meio interno ótimo em prol de um comportamento mais efetivo. Elas permitem que uma pessoa estabeleça a sua posição relativamente ao seu meio envolvente, sendo projetada para terceiros, objetos, ações ou ideias, funciona também como uma espécie de depósito de influências inatas e aprendidas. Existem condutas emocionais que estão relacionadas com os processos de construção de uma mente individual inteligentes.

Os processos de conhecimento do meio circundante são adquiridos através de um processo de evolução individual da inteligência, que seleciona estruturas internas relacionadas com a formação e as características estruturais do cérebro e os elementos do sistema nervoso, e as liga às percepções do meio, trata-se de um processo muito complexo.

Perante a este processo tão complexo, pergunto será que é possível controlar as emoções ou será que elas acabam nos dominado? Depois de ter lido sobre a complexidade das emoções, pode parecer difícil o controle então talvez, você ache que suas emoções é que controlam você, porém, deixe-me tirar esse véu de sua visão e lhe mostrar que, na verdade, suas emoções estão sempre sobre seu controle. Isso pode parecer contraditório, visto que há pessoas que sucumbem à força das emoções.

O mundo está cheio de exemplos de pessoas que cederam à força da raiva, do medo, da inveja, do egoísmo, e por aí vai. Entretanto, suas emoções estão em apenas um lugar, dentro de você. Não há como alguém conseguir entrar em seu corpo ou em sua mente e fazer suas emoções eclodirem. Só existe um modo de uma pessoa perder o poder sobre suas próprias emoções, ela mesma permitindo que isso ocorra em sua vida. Obviamente, que ninguém quer perder o controle sobre suas emoções. Isso ocorre quando a pessoa não aprendeu a trabalhar as próprias emoções, não foi lhe ensinado a compreender o que ocorre em seu interior.

Então ela permite que os eventos externos afetem a sua paz interior. As emoções podem, por vezes iniciar-se muito rapidamente, de fato tão rapidamente que não tomamos consciência que a nossa mente e corpo desencadearam uma emoção num determinado momento particular. Essa velocidade pode salvar as nossas vidas numa situação de emergência, mas também pode arruinar as nossas vidas quando nós temos uma reação excessiva e perdemos o controle.

Na verdade nós não temos muito controle sobre as respostas emocionais que temos em determinadas situações da vida, mas é possível controlar embora não seja fácil fazer algumas mudanças no que provoca as nossas emoções e como nos comportamos quando estamos emocionalmente alterados. É preciso tomar consciência da grande importância que as emoções têm em nossa vida.

É necessário insistir sempre na tentativa de que possa conscientemente optar por um tipo de comportamento emocional mais adequado e funcional no dia-a-dia, prestar atenção nas questões relativas à natureza das próprias emoções que não conhecemos na totalidade, bem como as emoções nos influenciam e como reconhecer os seus sinais em nós mesmos e nos outros.

Quando voltamos a atenção para as nossas emoções, achamo-las óbvias e misteriosas. As emoções determinam a qualidade das nossas vidas. Elas acontecem e manifestam-se em qualquer relacionamento seja no trabalho, nas amizades, com os familiares, e nas relações mais intimas. Em suma, todos nós estamos no controle de nossas emoções, porém há aqueles que entregam seu controle ao outro ou à oportunidade por não saberem como agir em uma situação tempestuosa.

Não se sinta mal em respirar fundo, em observar sua própria emoção, em encarar a si mesmo e compreender-se. Devemos compreender a verdadeira origem de cada emoção para podermos sublimá-las.

Quando existe compreensão e lucidez sobre suas emoções, você não permite que qualquer tempestade lhe tire o poder de controlar seu centro emocional. Comece agora a exercitar seu poder sobre suas emoções!!! ‘’Muito melhor e o homem paciente que o guerreiro, mas valem controlar, as emoções e os ímpetos do que conquistar toda uma cidade!’’

Provérbios 16:32 Até a próxima semana!

Eliana Pereira Ignacio é Psicóloga, formada pela PUC – Pontifícia Universidade Católica – com ênfase em Intervenções Psicossociais e Psicoterapêuticas no Campo da Saúde e na Área Jurídica; especializada em
Dependência Química pela UNIFESP Escola Paulista de Medicina em São Paulo Unidade de Pesquisa em Álcool e Drogas, entre outras qualifi cações. Mora em Massachusetts e dá aula na Dardah University. Para interagir com Eliana envie um e-mail para epignacio_vo@hotmail.com ou info@jornaldossportsusa.com

Deixe um comentário

Leia também

Bolsonaro cumprirá quarentena determinada pela Anvisa

COM R7 – O presidente Jair Bolsonaro cumprirá a norma de quarentena determinada pela…