Da Redação – Muito conhecido e estimado na comunidade brasileira, Wendel Viana se desligou da Honda Cars of Boston onde trabalhou durante oito anos e seis meses e ele mesmo fala da sua saída: “Estou curtindo bastante essa nova etapa e mudança de ramo. Trabalhei na Honda Cars of Boston onde iniciei sem nenhuma experiência no ramo de vendas de automóveis e com tempo passei de vendedor para gerente financeiro.
Nestes anos de casa trouxe bancos que ajudaram a financiar a comunidade que ainda não tem social e realizar para muitos, o sonho de ter um carro zero.
Crescemos e investimos em publicidade com a comunidade e também criamos uma equipe de atendimento que chegou a ter quatro vendedores, sendo que eu o gerente, falando português. Posso dizer que não estou mais na área de automóveis e que mudei de profissão. Motivo maior foi para poder ter mais tempo com a família e também porque queria buscar algo diferente que iria me dar novos desafios junto do crescimento profissional. Sobre os novos projetos, vou trabalhar na área bancária e estarei na região servindo a nossa grande e amada comunidade.
Meu telefone pessoal para contato é o (617) 957-9007 e o e-mail é vianawendel@yahoo.com.
Sou muito grato a todos clientes que confiaram em mim, mesmo no começo quando ainda não tinha experiência e naqueles que vieram através de indicações e confiando em mim mesmo sem me conhecer.
Outros que voltaram para novas compras e trouxeram amigos e familiares, e através de quem fiz grandes amizades e creio que iremos continuar.
Sou grato pela confiança depositada em mim e no meu profissionalismo onde sempre busquei em fazer o meu melhor. Não teria chegado onde cheguei sem vocês. Irei sentir muita falta do dia a dia e dos encontros com todos que passavam pela Loja”, um abraço a todos”, diz Wendel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Campinas decreta luto de três dias e prepara velório das vítimas

FOLHAPRESS – O clima em Campinas, a 98 quilômetros de São Paulo, é de consternação e…