Home Local Insegurança alimentar afeta 1 em cada 3 adultos em Massachusetts
Local - Novo Normal - 07/13/2022

Insegurança alimentar afeta 1 em cada 3 adultos em Massachusetts

A pesquisa do Greater Boston Food Bank estima que a insegurança alimentar em Massachusetts durante 2021 permaneceu alta, com 1,8 milhão de adultos estimados como com insegurança alimentar ou 32% da população do estado

JSNEWS – Os resultados de uma pesquisa que foram divulgados nessa segunda-feira pela Greater Boston Food Bank sobre insegurança alimentar constatou que mais de um terço dos adultos residentes em Massachusetts vivem em estado de insegurança alimentar

Insegurança alimentar é quando o acesso e a disponibilidade de alimentos são escassos. Se uma família não tem acesso regular e permanente à alimentação, em quantidade e qualidade adequadas, ela está em situação de insegurança alimentar.

A pesquisa também aponta que a insegurança alimentar afeta principalmente as comunidades Latinas com 61% em estado de insegurança alimentar seguida pela comunidade negra com 53%.

Antes da pandemia, a insegurança alimentar doméstica em Massachusetts era de 8,2%, a pandemia de coronavírus agravou uma crise de fome sem precedentes e no seu auge, deixou 19,6% dos domicílios inseguros. “Embora seja verdade que a insegurança alimentar está diminuindo, mas voltar às taxas pré-pandemias não é uma opção”, disse Erin Mc Aleer, CEO da Project Bread, uma organização sem fins lucrativos que trabalha para prevenir a fome, facilitando o acesso de todos os Massachusets.

“A insegurança alimentar é um problema estratificado e as barreiras ao acesso a alimentos saudáveis vão além da capacidade de comprar alimentos, não é apenas ter transporte confiável para procurar mantimentos em uma loja, a falta de equipamentos necessários para preparar refeições como panelas e até geladeiras e a incertezas sobre como cozinhar refeições nutritivas para uma condição específica de saúde contribuem para a insegurança alimentar”, disse McAleer.

A congressista Ayanna Pressley, que representa o 7º Distrito de Massachusetts, diz que infelizmente não está surpresa com os números. “Isso é um fracasso político. É um fracasso moral. Ninguém deve conhecer a fome”, disse Pressley. De acordo com a congressista, uma cúpula para combate a fome está sendo planejada na Casa Branca.

Deixe um comentário

Leia também

Simone Tebet declara apoio a Lula: “Reconheço nele compromisso com a democracia”

FSP – A ex-candidata à presidência da República Simone Tebet (MDB) declarou voto ao …