Home Local Cambridge instala chuveiros públicos para pessoas em situação de rua
Local - 10/22/2020

Cambridge instala chuveiros públicos para pessoas em situação de rua

As unidades de chuveiro devem permanecer no local pelo menos até o final do ano. Esta semana, os chuveiros estão abertos nos dias de semana, das 13h às 16h. Os organizadores dizem que farão uma reavaliação em algumas semanas.

Da Redação – Dois trailers foram instalados em um estacionamento na Harvard Square nessa segunda-feira, 19,  com a finalidade de proporcionar as pessoas em situação de rua um serviço que muitos de nós consideramos natural: um banho quente.

Para Jim Stewart, diretor do First Church Shelter, as pessoas em situação de rua sempre tiveram problemas para acessar as instalações de higiene e com a pandemia, os abrigos tiveram que manter o distanciamento social e isso reduziu o acesso as instalações de higiene que estas tinham no passado.
O First Church Shelter manterá uma equipe para auxiliar na manutenção do uso de 10 chuveiros, dois dos quais com acesso para cadeirantes.

Cambridge estaria investindo US $ 12.000 por mês somente com aluguéis das unidades, o que não inclui outras despesas como água, esgoto e eletricidade, com um custo adicional de US $ 10.000.

Cambridge também alugou banheiros no início da pandemia para as pessoas que usavam os banheiros de bibliotecas, restaurantes ou outros prédios que fecharam em março. Para o “CouncillorMarc McGovern da Cidade de Cambridge, a prefeitura começou a estudar a abertura de chuveiros públicos em abril, a demora na instalação, segundo ele, foi para encontrar lugares acessíveis para deficientes físicos, perto de encanamento e energia. “Demorou mais do que qualquer um esperava, mas estou feliz em ver o que está acontecendo“, disse ele.

McGovern diz que não conhece outros chuveiros independentes em Massachusetts para os sem-teto. A Coalizão Nacional para os Sem-Teto não tem uma contagem nacional desses serviços, mas parece haver um interesse crescente. A diretora associada Megan Hustings diz que esses projetos, que começaram e se expandiram na Costa Oeste, agora estão surgindo em Nova York, Washington e outras cidades na Costa Leste. “Vemos que mais pessoas estão morando nas ruas depois da crise da COVID e os locais com chuveiros tiveram que limitar os serviços”, afirma.

Em Cambridge, alguns proprietários de empresas perto de chuveiros públicos estão preocupados com o impacto, diz a diretora-executiva da Harvard Square Business Association – HSBA , Denise Jillson.

Jillson diz que o HSBA tem trabalhado com a cidade e grupos de serviço social para oferecer refeições, água, máscaras, tomadas elétricas e outros serviços para pessoas que precisam de apoio adicional durante a pandemia. “Se houver problemas, a cidade responde de uma forma positiva”, disse ele.

A Universidade Harvard está emprestando estacionamento para Cambridge para este projeto.

As unidades de chuveiro devem permanecer no local pelo menos até o final do ano. Esta semana, os chuveiros estão abertos nos dias de semana, das 13h às 16h. Os organizadores dizem que farão uma reavaliação em algumas semanas.

Deixe um comentário

Leia também

Estados Unidos se preparam para explosão de casos de COVID-19 após Ação de Graças

AFP – Os Estados Unidos devem se preparar para um forte aumento na curva de contágio…