Home Internacional Embaixada americana divulga regras para brasileiros viajarem aos Estados Unidos
Internacional - Novo Normal - Saúde - 10/26/2021

Embaixada americana divulga regras para brasileiros viajarem aos Estados Unidos

JSNEWS – O governo dos Estados Unidos anunciou nesta segunda-feira, 25, procedimentos e regras para a retomada da entrada de visitantes no país. As restrições foram impostas no início de 2020 por causa da pandemia do novo coronavírus e serão flexibilizadas a partir do dia 8 de novembro.

Turistas estrangeiros devem apresentar comprovantes de vacinação contra a covid-19, além de teste negativo realizado no máximo 72 horas antes do embarque. Os requisitos serão tanto para a entrada por via aérea como por fronteiras terrestres.

Os menores de 18 não precisam estar vacinados, informou a Casa Branca.
Será exigido o teste negativo realizado 72 horas antes para menores acompanhados e 24 horas antes para os não acompanhados. Em entrevista coletiva realizada hoje, representantes do governo dos EUA justificaram a medida pelo fato desse público ainda não ser elegível em diversos países para a imunização contra a covid-19.

Outra exceção é para viajantes estrangeiros não-turistas (aqueles que viajam a trabalho, estudo, em comitivas ou em missões diplomáticas) cujos países ainda não tiveram condições de implantar programas massivos de vacinação, e que contabilizam menos de 10% da população vacinada. Nestes casos, o viajante poderá ser eximido de certas exigências, mas ainda assim deverá estar com o ciclo vacinal completo. Segundo informa a Casa Branca, cerca de 50 países no mundo ainda estão com taxas de vacinação abaixo de 10%. Esses países são informados pela OMS periodicamente.

Pessoas que possuem contraindicação médica e que apresentem reações alérgicas ou adversas às vacinas contra covid-19 também poderão ser isentadas das exigências, desde que apresentem documentos e laudos específicos.

A exigência de visto será mantida.

Vacinas permitidas para entrar nos Estados Unidos
Os Estados Unidos vão admitir visitantes imunizados com todas as vacinas aceitas pela Organização Mundial da Saúde.

  • Pfizer/BioNTech
  • Moderna
  • Oxford/AstraZeneca (incluindo Vaxzevria e Covishield)
  • Janssen
  • SinoPharm
  • CoronaVac

O Centro de Controle de Doenças dos Estados Unidos (CDC, na sigla em inglês) também informou que aceitará certificados com intercambialidade de vacinas – o ciclo feito com duas doses de imunizantes diferentes.

Deixe um comentário

Leia também

Primeiros imigrantes são enviados de volta ao México na retomada do esquema “Fique no México” da era Trump

JSNEWS (Com Reuters e APNEWS) – Dois imigrantes foram devolvidos ao México pelas aut…