Home Imigração Número de indocumentados nos EUA pode ser o dobro do ofi cial
Imigração - 3 semanas atrás

Número de indocumentados nos EUA pode ser o dobro do ofi cial

O número de imigrantes indocumentados que vivem nos Estados Unidos pode ser o dobro do que tem sido propagado tanto pelos órgãos governamentais quanto a mídia em geral, de acordo com um estudo realizado e divulgado na sexta-feira, dia 21, por pesquisadores da Universidade de Yale, em Connecticut, e do Massachusetts Institute of Technology (MIT).

O governo e a maioria dos grupos estimam que o número de imigrantes indocumentados seja de 11 a 12 milhões, mas pesquisadores das duas universidades apresentaram dados completamente diferentes e afirmam que de 16,7 milhões em 2016 a população imigrante subiu para uma média de 22 milhões. Estas informações podem validar as alegações feitas pelo presidente Donald Trump de que o número real de imigrantes indocumentados no país chega a 30 milhões.

Isso também poderia, de acordo com a Bloomberg Media Group, oferecer munição para o presidente e opositores à imigração no país a adotarem uma posição mais dura sobre o assunto. Para chegar ao relatório final, os pesquisadores usaram dados sobre deportações, apreensões na fronteira e estadias de visto, juntamente com as taxas de mortalidade e taxas de imigração.

A estimativa é baseada em dados coletados entre 1990 a 2016. “Nossa ideia original era apenas fazer um teste de bom senso sobre o número existente”, disse Edward Kaplan, da Yale, que conduziu o estudo com o colega Jonathan Feinstein e Mohammad Fazel-Zarandi, do MIT. “Em vez de um número menor, recebemos um número 50% maior. Isso nos fez coçar a cabeça”.

“Há um número que todo mundo cita”, disse Feinstein, “mas, quando você realmente questiona e pergunta: em que se baseia? Você descobre que a base é feita em uma pesquisa muito específica e possivelmente em uma abordagem com alguns defeitos. Então decidimos adotar uma abordagem completamente diferente”.

Mas Kaplan disse que as descobertas podem minar um dos argumentos mais comuns para restringir o fluxo de imigrantes para o país: a criminalidade. Ele disse que os dados podem sugerir que a taxa de criminalidade relacionadas a imigrantes indocumentados pode ser ainda menor do que se acredita.

“Você tem o mesmo número de crimes, mas agora se espalha o dobro de pessoas que se acreditava antes, o que de imediato significa que a taxa de criminalidade entre os imigrantes indocumentados é essencialmente metade do que se acreditava anteriormente”, disse ele.

Fonte: BrazilianVoice.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Mulher comanda o Exército pela 1ª vez na história

A participação das mulheres no Exército americano é antiga, com registros históricos que e…