Home Esportes Rebeca ganha 1ª medalha olímpica da ginástica feminina do Brasil
Esportes - 07/29/2021

Rebeca ganha 1ª medalha olímpica da ginástica feminina do Brasil

Em 41 anos, melhor desempenho era o 10º lugar de Jade Barbosa em 2008. Ginástica masculina tem quatro medalhas olímpicas

JSNEWS – A ginasta Rebeca Andrade, de 22 anos, que fez história nesta quinta-feira (29) ao levar uma medalha de prata nas Olimpíadas de Tóquio.
Ela iniciou a carreira no projeto social Iniciação Esportiva, da Prefeitura de Guarulhos, na Grande São Paulo. Lá, ela ganhou o apelido de “Daianinha de Guarulhos”, em referência a Daiane dos Santos, vencedora de nove medalhas de ouro em campeonatos mundiais no solo entre 2003 e 2006.

Rebeca, que é atleta do Flamengo, conquistou vaga em três finais, incluindo a do solo, em que se apresenta ao som do funk “Baile de favela”. Na manhã de quinta-feira,29, ela se tornou a primeira brasileira medalhista olímpica na categoria, na final do individual geral.

Da pioneira Claudia Magalhães, que competiu em Moscou, até o brilho de Rebeca, o Brasil desfilou o talento de várias ginastas nos Jogos Olímpicos. Tatiana Figueiredo, Luisa Parente, Soraya Carvalho, Danielle Hypólito, Camila Comin, Ana Claudia Silva, Bruna Leal e Jade Barbosa também conseguiram chegar à competição individual geral. Jade tinha até os Jogos de Tóquio o melhor desempenho nos Jogos, o 10º lugar em Pequim 2008.

Veja o desempenho das ginastas do Brasil no individual geral

1980/Moscou: Claudia Magalhães (32º lugar)
1984/Los Angeles: Tatiana Figueiredo (27º lugar)
1988/Seul: Luisa Parente (36º lugar)
1992/Barcelona: Luisa Parente (57º lugar)
1996/Atlanta: Soraya Carvalho (não competiu)
2000/Sydney: Daniele Hypólito (21º lugar)
2004/Atenas: Daniele Hypólito (16º lugar) e Camila Comin (24º lugar)
2008/Pequim: Jade Barbosa (10º lugar) e Ana Claudia Silva (24º lugar)
2012/Londres: Bruna Leal (14 lugar)
2016/Rio: Rebeca Andrade (11º lugar) e Jade Barbosa (24º lugar)
2020/Tóquio: Rebeca Andrade (medalha de prata)

Teve ainda Daiane dos Santos e Lais Souza se destacando nas finais por aparelhos. Daiane chegou à final do solo em 2004 e em 2008, mas não conseguiu ganhar medalha.

Deixe um comentário

Leia também

Bolsonaro cumprirá quarentena determinada pela Anvisa

COM R7 – O presidente Jair Bolsonaro cumprirá a norma de quarentena determinada pela…