Home Brasil Chuvas causam mais dez mortes em Minas Gerais em apenas 24 horas
Brasil - 1 semana atrás

Chuvas causam mais dez mortes em Minas Gerais em apenas 24 horas

Estado tem 3.481 desabrigados e 13.756 desalojados no período chuvoso. Ao todo, 145 cidades mineiras estão em situação de emergência.

FSP – A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec) confirmou, na manhã desta terça-feira (11), mais dez mortes em decorrência da chuva em Minas Gerais em apenas 24 horas. Com isso, subiu para 19 o número de vítimas no estado desde o início do período chuvoso, de 1º de outubro até agora.

As últimas mortes confirmadas ocorreram em São Gonçalo do Rio Abaixo, na Região Central, Ervália, na Zona da Mata, Dores de Guanhães e Caratinga, no Vale do Rio Doce, e Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Desabrigados e desalojados
Desde o início do período chuvoso, em outubro, 145 cidades de Minas Gerais entraram em situação de emergência.

De acordo com os dados da Defesa Civil, o número de desabrigados no estado chega a 3.481, 72 a mais em relação à véspera. Já em relação à quantidade de desalojados, foram 22 novos registros em 24 horas, chegando a 13.756.

O número diverge do informado pelas prefeituras. Em Raposos, na Grande BH, por exemplo, o prefeito fala em 9 mil desabrigados – mais da metade da população.

Governador Valadares decreta situação de emergência

Arte compara a medição do volume do Rio Doce nas réguas do SAAE (local) e da CPRM (nacional) — Foto: Arquivo/Prefeitura Governador Valadares/Divulgação

O Rio Doce atingiu 4 metros, na régua do Saae, na manhã desta terça-feira (11). Segundo a Defesa Civil, a previsão é de que o volume continue a subir e pode chegar a 4,5 metro.

De acordo com a Prefeitura, atualmente cerca de 6 mil pessoas precisaram deixar suas casas para fugir da enchente e outras 93 estão desabrigadas.

Porém, o o número pode crescer e atingir 10 mil desalojados, como na enchente registrada em 2020. A previsão se dá com base no número de moradores historicamente afetados por enchentes. Cerca de 55 mil pessoas moram em 20 bairros às margens do rio Doce, população que é atingida direta ou indiretamente pelas cheias.

 

Deixe um comentário

Leia também

Britânico que fez reféns no Texas foi morto enquanto falava com filhos no telefone, diz irmão

FOLHAPRESS – O britânico que fez quatro reféns em uma sinagoga no Texas, no sábado (…