AFP – O presidente Donald Trump homenageou os “valentes” soldados dos Estados Unidos que morreram durante a Primeira Guerra Mundial em uma breve visita ao cemitério estadunidense de Suresnes, subúrbio de Paris, um dia após provocar críticas por suspender sua presença a uma cerimônia similar por causa da chuva.

Em um breve discurso no cemitério, Trump disse que ele e as outras autoridades se reuniram “neste lugar de descanso sagrado para homenagear os valentes estadunidenses”. No cemitério estão enterrados os restos mortais de 1.541 soldados americanos mortos durante a Primeira Guerra Mundial.

“Os patriotas americanos e franceses da Primeira Guerra Mundial incorporam as virtudes atemporais de nossas duas repúblicas: honra e coragem, força e valor, amor e lealdade, graça e glória. É nosso dever preservar a civilização que eles defenderam e garantir a paz pela qual tão nobremente deram suas vidas há um século”, disse o presidente dos EUA.

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Leia também

Dentista perde prisão domiciliar após publicar foto em Campos do Jordão, defesa alega que foi #tbt

Da Redação – A dentista Kelen Reolon de Souza, de 39 anos, foi reconduzida à prisão …