Home Biden Senador americano, Lindsey Graham (Rep.), diz que ‘alguém na Rússia’ deveria matar Vladimir Putin
Biden - Mundo - Novo Normal - 03/04/2022

Senador americano, Lindsey Graham (Rep.), diz que ‘alguém na Rússia’ deveria matar Vladimir Putin

“Existe um Brutus na Rússia?”, perguntou, fazendo referência a um dos assassinos do imperador romano Júlio César. Em seguida, questionou se há um “coronel Stauffenberg mais bem sucedido” no exército russo. Stauffenberg foi um oficial alemão que tentou matar Adolf Hitler em 1944.

Da Redação – O senador norte-americano Lindsey Graham (Rep.), pediu nessa quinta-feira,  que os russos matem o presidente Vladimir Putin.
Como isto acaba? Alguém na Rússia deve levantar… e acabar com este cara”, declarou o senador ao canal de televisão conservador Fox News.

Graham, de 66 anos que é um republicano da Carolina do Sul, comparou Putin ao líder nazista Adolf Hitler e reafirmou seu posicionamento no Twitter. “As únicas pessoas que podem consertar isso são o povo russo”, escreveu.

“Existe um Brutus na Rússia?”, perguntou, fazendo referência a um dos assassinos do imperador romano Júlio César. Em seguida, questionou se há um “coronel Stauffenberg mais bem sucedido” no exército russo. Stauffenberg foi um oficial alemão que tentou matar Adolf Hitler em 1944.

“A única maneira disso acabar com isso é alguém na Rússia para matar esse cara. Você estaria fazendo um grande serviço a seu pais e ao mundo”, escreveu no Twitter.

O senador também disse que a alternativa para a sociedade Russa não matar Putin é escolher viver na miséria e no isolamento. “A menos que você queira viver na escuridão pelo resto de sua vida, ficar isolado do resto do mundo em abjeta pobreza vivendo na escuridão”.

Putin esta abrigado nas Montanhas Urais enquanto seu exército está fazendo guerra na Ucrânia.

O extraordinário apelo de Graham para o assassinato de um chefe de Estado veio quando o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, pediu à Europa que tomasse “medidas imediatas” depois que tropas russas bombardearam a maior usina nuclear da Europa nessa sexta-feira.

Se a fábrica de Zaporizhzhia na cidade portuária de Enerhodar tivesse explodido, seria “o fim para todos. O fim para a Europa. A evacuação da Europa”, disse Zelensky.

Um dia antes, Graham disse que foi um erro de seu aliado político, o ex-presidente Donald Trump, chamar Putin de “gênio” para a guerra não provocada.

“Vamos deixar claro, Putin não é um gênio, ele é um criminoso de guerra“, disse Graham, de acordo com a CNN.

 

Deixe um comentário

Leia também

Sport Total – De canela

Por: Alfredo Melo – info@jornaldossportsusa.com 1 Os profissionais do futebol contin…