Home Biden Projeto de lei que proíbe crianças de discutirem orientação sexual em sala de aula está perto de ser aprovada na Florida
Biden - Local - Mundo - 01/26/2022

Projeto de lei que proíbe crianças de discutirem orientação sexual em sala de aula está perto de ser aprovada na Florida

JSNEWS – Os legisladores da Flórida estão tentando aprovar uma lei que limitaria as discussões em sala de aula sobre gênero e orientação sexual. O projeto também daria aos pais base legal para processar escolas ou professores que ensinem ou discutem esses tópicos.

Os ativistas LGBTQ temem que, caso seja adotado em lei,  passe a suprimir qualquer discussão ou ensino sobre a história da opressão e da identiade LGBTQ+.

“Isso apagaria a história e a cultura LGBTQ+ dos planos de aula e envia uma mensagem assustadora para os jovens e comunidades LGBTQ+”, disse Melanie Willingham-Jaggers, diretora executiva do grupo nacional de defesa da juventude LGBTQ GLSEN, em comunicado à ABC News.

Os críticos da lei temem que, ao proibir efetivamente a discussão de questões de gênero e LGBTQ+ em sala de aula, os alunos LGBTQ+ sintam como se suas identidades ou orientações sexuais fosse vergonhosa.

O projeto de lei é patrocinado pelo deputado estadual republicano Joe Harding, que disse em um tweet que espera que ele “reforce o direito fundamental dos pais de tomar decisões sobre educação e controle de seus filhos”.

Para Chasten Buttigieg, marido do secretário de Transportes dos EUA Pete Buttigieg, que esta entre as vozes que se o pressionavam contra o projeto de lei, alegando que ela (a alei caso aprovada) terminaria em morte de estudantes.

“Isso vai matar crianças, @RonDeSantisFL. Você está propositalmente tornando seu estado um lugar mais difícil para as crianças LGBTQ+ sobreviverem”, escreveu ele no Twitter. “Em uma pesquisa nacional (@TrveorProject), 42% dos jovens LGBTQ+ consideraram seriamente a tentativa de suicídio no ano passado. Agora eles não podem falar com os professores?

A Human Rights Campaign informou que vários estados se mudaram para aprovar leis que restringiam os direitos dos indivíduos LGBTQ+, incluindo Arizona, Alabama, Flórida, Indiana, Kentucky, Oklahoma, New Hampshire e Dakota do Sul. 

Deixe um comentário

Leia também

Elon Musk desafia acusadora abuso sexual para descrever como são suas partes íntimas

JSNEWS – Elon Musk disse que a mulher que o acusou de má conduta sexual de ser uma &…