Home Biden Principais redes de farmácia nos USA racionam pílulas do dia seguinte após decisão da Suprema Corte sobre o aborto
Biden - EUA - Mundo - Novo Normal - Saúde - 06/28/2022

Principais redes de farmácia nos USA racionam pílulas do dia seguinte após decisão da Suprema Corte sobre o aborto

JSNEWS – Algumas das principais redes de farmácias dos EUA estão racionando as vendas de “pílulas do dia seguinte” em meio a um aumento na demanda após a suprema corte dos EUA derrubar Roe v. Wade na semana passada, e de acordo com o Wall Street Journal (WSJ) as redes CVS e Walgreens passaram a limitar as compras desses itens em seus estabelecimentos devido a forte demanda.

Os comprimidos, conhecido como “pílulas do dia seguinte”, são tomados para prevenir a gravidez logo após o sexo desprotegido.

Um representante da CVS disse ao WSJ que as vendas foram racionadas com o objetivo garantir “acesso equitativo” aos contraceptivos.
A marca mais popular do produto conhecido como Plano B são vendidos sem prescrição médica e de acordo com a recomendação do fabricante, a medicação deve ser tomada em até 72h após uma relação sexual desprotegida.

A CVS observou que ainda tem um amplo estoque que garante o fornecimento de outros medicamentos prescritos da “pílulas do dia seguinte”. Os medicamentos que exigem prescrição são aqueles recomendados para interromper a gravidez até 10 semanas de gravidez.

As vendas On Line na  Amazon para pílulas do Plano B mostram suprimentos limitados em meio à crescente demanda. Com os estoques diminuindo, houve relatos de aumentos de preços On Line.

Deixe um comentário

Leia também

EUA fornecerão doses adicionais de vacina contra Variola dos Macacos em eventos de orgulho LGBTQIA+

JSNEWS — As vacinas contra a varíola dos macacos estarão disponíveis na Parada do Orgulho …