Home Biden Preço médio da gasolina nos USA passa dos U$5 por galão pela primeira vez
Biden - Economia - Local - Mundo - 06/13/2022

Preço médio da gasolina nos USA passa dos U$5 por galão pela primeira vez

A média nacional de gasolina nos Estados Unidos pode alcançar os US$ 6 em agosto e em relação a todo o país, a média mais alta é encontrada no estado da Califórnia, onde ela foi registrada a US$ 6,43 o galão

JSNEWS – Os preços médios do galão da gasolina nos Estados Unidos atingiram o preço médio de US $ 5.004 o galão no ultimo sábado. a Informação é da Associação Automobilística Americana (AAA) e cada galão corresponde a 3,8 litros de combustível.
Apesar de a média nacional de US$ 5 ser inédita, em grande parte do país já é comum que esse preço seja pago pela gasolina como no estado da Califórnia e nevada, aumentando a pressão nos orçamentos domésticos em todo o país.

Segundo dados da OPIS, 32% dos postos de gasolina nos Estados Unidos já estavam cobrando mais de US$ 5 por galão já na sexta-feira e em pelo menos 10% dos posts de abastecimentos em todo o território americano estão cobrando mais de US$ 5,75 por galão.

De acordo com o relatório de inflação do governo americano na última sexta-feira, os preços da gasolina estão subindo no ritmo mais acelerado em 40 anos. Sob esse viés, é importante salientar que tal fenômeno não influencia apenas a vida dos motoristas, mas também tem impacto sobre os preços pagos pela população por uma gama completa de bens e serviços.

Porque a gasolina esta cara nos Estados Unidos?
A forte demanda por gasolina é apenas parte do problema. Isso porque, frente à invasão da Ucrânia pela Rússia, a oferta tornou-se reduzida, já que sanções foram impostas à Rússia, que constitui um dos principais exportadores de petróleo do mundo, pelos Estados Unidos e pela Europa.

Os preços da gasolina subiram mais de 50% em todo o país no último ano (Getty Images/Getty Images)

A decisão europeia de romper o comércio com a Rússia, com a qual estabelecia relação de dependência, fez com que o preço do petróleo em todo o mundo fosse elevado. Dessa forma, o preço do barril desse combustível fechou acima de US$ 120 na última sexta-feira, tendo subido em relação aos US$ 100 do mês anterior.

Como isso está afetando a economia e as pessoas?
Os preços da gasolina têm sido um grande motor da inflação, que subiu para sua taxa mais alta em quase 40 anos. Pesquisas recentes têm mostrado consistentemente preços recordes da gasolina e alta inflação são um dos principais fatores que contribuem para o pessimismo sobre o estado da economia à medida que os EUA vão para as eleições de meio de mandato em novembro.

Então, o que pode ser feito?
O presidente Biden disse que lutar contra a inflação é sua prioridade econômica, mas quando se trata de reduzir os preços do petróleo, há pouco que ele possa fazer.

Biden anunciou em março um plano para liberar até 180 milhões de barris das reservas de petróleo de emergência do país, distribuídos ao longo de seis meses.

A distribuição das reservas  tem ajudado mas não foi suficiente para conter a alta de preços nas bombas de gasolina.

Biden também pediu aos produtores de petróleo dos EUA para aumentar a produção, mas os produtores nacionais têm enfrentado restrições de órgãos reguladores, ambientalistas e ate problemas com escassez da mão de obra.

Biden também pediu a OPEP+ para aumentar significativamente a oferta de petróleo.

Então, o preço da gasolina vai diminuir em breve?
Simplesmente, não, a menos que haja um grande desenvolvimento inesperado.

A proibição do petróleo na Rússia está agravando ainda mais o desequilíbrio oferta-demanda nos mercados globais de energia e isso é improvável que seja resolvido em breve.

Além disso, as refinarias estão lutando para aumentar a produção, já que a capacidade total em toda a indústria tem sido limitada por vários fatores, incluindo a falta de investimentos e desastres naturais.

Na verdade, analistas estão alertando os americanos para se prepararem para preços ainda mais altos e de acordo com a JPMorgan, os preços médios nacionais da gasolina podem ficar acima de US$ 6 em agosto.

Deixe um comentário

Leia também

Simone Tebet declara apoio a Lula: “Reconheço nele compromisso com a democracia”

FSP – A ex-candidata à presidência da República Simone Tebet (MDB) declarou voto ao …