Home Biden Imigração: os principais desafios de Joe Biden para 2022
Biden - Curiosidades - EUA - Imigração - Mundo - Política - 01/03/2022

Imigração: os principais desafios de Joe Biden para 2022

Os democratas têm sido talvez muito otimista sobre suas reais chances de aprovar leis que beneficiem os milhões de imigrantes indocumentados, é uma questão de ajustar expectativas com a realidade.

JSNEWS – Embora tenha feito progressos em 2021 em questões de imigração, o presidente Joe Biden devera enfrentar desafios significativos este ano, como o fim de programas “Fique no México” para solicitantes de asilo, o controle da fronteira, além de tentar cumprir sua promessa de campanha para conceder a cidadania aos imigrantes indocumentados.

Os democratas têm sido talvez muito otimista sobre suas reais chances de aprovar leis que beneficiem os milhões de imigrantes indocumentados, é uma questão de ajustar expectativas com a realidade. A Administração Biden ainda tem a oportunidade de fazer algo relevante que beneficie os indocumentados antes das eleições desse ano.

Mas Austin Kocher, professor de pesquisa da Transactional Records Access Clearinghouse (TRAC) da Universidade de Syracuse, duvida que os democratas possam fazer da imigração um tema que traga um impacto direto nas eleições devido ao desinteresse que os eleitores americanos tem sobre esse tema

“Eu não acho que há muito incentivo para os democratas lutarem com certo fervor a favor da imigração, porque mesmo que eles passem uma boa política que beneficie aos imigrantes, não sei se isso ira se traduzir automaticamente em uma estratégia eleitoral vencedora em 2022”, disse. “Não estou realmente convencido de que essa questão realmente atrai muitas pessoas.”

1. Controle de fronteiras
Especialistas indicam que a fronteira enfrenta uma grave crise devido ao aumento do fluxo migratório sem precedentes agravado com a incapacidade do governo Biden lidar com esse assunto.

Milhares de haitianos abrigados debaixo da Ponte Internacional entre Mexico e Estados Unidos em Del Rio no Texas (Foto: Frame video redes sociais / arquivo)

2. O novo plano de asilo
Em agosto, os Departamentos de Justiça (DOJ) e de Segurança Interna (DHS) publicaram no Federal Register um aviso de regulamentação para melhorar o processamento de pedidos de asilo.

O programa anunciado pelo secretário de Segurança Pública, Alejandro Mayorkas, destaca a possibilidade de atender rapidamente aos requerentes de asilo e enviar seus casos aos tribunais, onde não esperariam mais de seis meses, mas também permitiria que aqueles que não cumprem os requisitos fossem expulsos rapidamente.

Esse projeto, assim como o DOJ estão diretamente relacionados com a situação nos tribunais de imigração, onde já existem mais de 1,5 milhão de casos de atraso, por isso exigem mais mudanças.

3. Título 42
Embora no ano fiscal de 2021 cerca de 1,7 milhão de imigrantes tenham chegado à fronteira, quase 1,5 milhão foram expulsos por diferentes razões, acima de um milhão sob o Título 42, de acordo com dados da agência de Alfândega e Proteção de Fronteiras (CBP) e outros sob o Título 8, por não cumprirem os requisitos de asilo.

4. Programa América Central

Vice-presidente Kamala Harris (Foto: ERIN SCHAFF / NYT)

A vice-presidente Kamala Harris está liderando o plano de desenvolvimento para a América Central, que fez progressos lentos, embora no ano passado tenha terminado com a promessa de várias empresas de um investimento de US$ 1.200 milhões.
O objetivo é oferecer opções aos de Honduras, El Salvador e Guatemala para evitar que eles migrassem para os EUA por razões econômicas.

O projeto também integra o programa ‘Sembrando Oportunidades’, implantado com o México, que visa fornecer fundos para a agricultura.

Devido ao ritmo lento do plano na América Central, as críticas ao vice-presidente Harris aumentaram e ela pode ser a principal vítima política dos fracassos da imigração.

5. Melhorar o sistema USCIS
No relatório do ano fiscal de 2021, o Escritório de Cidadania e Serviços de Imigração (USCIS) reconheceu os atrasos que enfrenta em seus processos.

A advogada Susan Cohen, presidente da Mintz Immigration Practice e autora do livro “Journeys From There to Here: Stories of Immigrant Trials, Triumphs and Contributions”, ressaltou que o principal desafio é reduzir ainda mais os atrasos em casos de cessão de vistos de todos os tipos.

“(O USCIS) está demorando tanto que sua autorização para trabalhar expira e seus empregadores têm que pedir que saiam da folha de pagamento e voltem até que um novo cartão chegue. Este é um problema crescente”, alertou Cohen. “Os atrasos se tornaram tão insustentáveis.”

6. Implementar nova regra da DACA
Uma questão sobre a qual todos os especialistas consultados concordaram foi garantir a permanência, sem um grande desafio judicial, dos ‘Dreamers‘ beneficiados pelo DACA.

Deixe um comentário

Leia também

Preço médio da gasolina nos USA esta abaixo de US$4 pela primeira vez desde março

REUTERS – O preço médio da gasolina no varejo dos Estados Unidos caiu abaixo de 4 dó…