Home Biden Empresário que usou da ajuda do COVID para comprar Rolex e Lamborghini pega 9 anos de cadeia
Biden - Comunidade - EUA - Mundo - Policial - 02/10/2022

Empresário que usou da ajuda do COVID para comprar Rolex e Lamborghini pega 9 anos de cadeia

JSNEWS – O empresário do Texas, Lee Price III, de 30 anos, residente em Houston, foi condenado a 110 meses de reclusão por fraude bancária e lavagem de dinheiro. Ele se declarou culpado em setembro passado. De acordo com o departamento de justiça, ele fraudulentamente e recebeu US$ 1,6 milhão em ajuda federal  e usou parte desse dinheiro para comprar uma Lamborghini. Além do carro de luxo ele ele também adquiriu um Ford F-350 e um relógio Rolex. 

As autoridades disseram que conseguiram recuperar cerca de $700.000

Price recebeu US$ 1,6 milhão em empréstimos do Programa de Proteção de Pagamentos o Paycheck Protection Program em inglês(PPP), que o Congresso aprovou em março de 2020 para ajudar as empresas afetadas pela pandemia COVID-19.

De acordo com documentos judiciais citados pela mídia americana, as supostas empresas de Price não tinham registro de funcionários ou folha de pagamento,.

A defesa de Price alegou que ele se declarou culpado sem condições. “Ele tem o resto da sentença de 110 meses para refletir, arrepender-se e reconstruir sua vida”, disse o advogado Tom Berg.

A PPP fazia parte de um pacote de ajuda financeira aprovadas pelo governo estimando em mais de dois trilhões de dólares para ajudar trabalhadores e empresas devastadas pela pandemia. Desde março passado, pelo menos 120 pessoas foram acusadas de fraude relacionada ao programa, de acordo com o Departamento de Justiça.

Algumas dessas fraudes também envolveram a compra de carros de luxo. Em maio do ano passado, um jovem de 29 anos de Miami foi acusado de usar US$ 3,9 milhões da ajuda federal para  comprar um Lamborghini.

No mesmo mês, o caso de outro homem na Califórnia que comprou uma Lamborghini, Ferrari e Bentley depois de receber mais de US $ 5 milhões do PPP.

Deixe um comentário

Leia também

Sport Total – De canela

Por: Alfredo Melo – info@jornaldossportsusa.com 1 Os profissionais do futebol contin…