Home Brasil Cerca de 550 deportados já desembarcaram no aeroporto de Belo Horizonte desde outubro de 2019

Cerca de 550 deportados já desembarcaram no aeroporto de Belo Horizonte desde outubro de 2019

Número de brasileiros expulsos aumentou depois da mudança da política de imigração dos EUA e do posicionamento do governo federal.

Da Redação – Nesta segunda-feira (9), um novo voo com brasileiros deportados dos Estados Unidos (EUA) aterrissou no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins. É o oitavo voo fretado do tipo que chega ao país desde o ano passado.

Cerca de 42 pessoas desembarcaram da aeronave. Nos últimos seis meses, um total de mais de 700 brasileiros já foram deportados dos Estados Unidos dos quais 550 em voos fretados pelo governo por meio do U.S. Immigration and Customs Enforcement (ICE). Segundo o Ministério das Relações Exteriores do Brasil, os voos são de inteira responsabilidade do governo dos EUA.

O Brasil havia parado de aceitar o fretamento de aviões para deportação em massa em 2006, de modo a dar mais tempo para se analisar os casos e dar mais tempo aos brasileiros para tentarem reverter a decisão de deportação.

No entanto, o país mudou seu entendimento e passou a aceitar os voos fretados após uma alteração na legislação dos EUA. Imigrantes ilegais que são pegos lá agora ficam presos em campos de imigração até serem deportados.

Há uma previsão de que mais um voo dessa natureza chegue a Confins na próxima sexta-feira, 13, de acordo com a BH Airport.
Os brasileiros que chegaram em voos anteriores relataram maus tratos, como uso de algemas, falta de comida e água, mas raramente esses imigrantes falam a imprensa e não autorizam que seus nomes ou imagens sejam publicados, mas é sabido que muitos deles contraíram enormes dividas para financiar essa aventura, a despeito desse silencio, aqueles que resolvem falar denunciam que passaram algum tipo de privação na prisão ou na viagem de volta.

Muitos desses deportados contraíram enormes dividas para financiar essa aventura.

O número de imigrantes brasileiros presos nos Estados Unidos tentando cruzar a fronteira pelo México aumentou mais de 10 vezes no último ano fiscal norte-americano (outubro de 2018 a setembro de 2019), chegando a 17.900, contra 1.500 no ano fiscal anterior. Em 2019, cerca de 850 mil pessoas de diversas nacionalidades foram presas tentando cruzar a fronteira dos EUA.

Deixe um comentário

Leia também

Os argumentos de Trump para anunciar rompimento dos EUA com a OMS

BBC -Em um discurso feito na tarde desta sexta-feira (29/05) na Casa Branca, o presidente …