Home Biden Caravana de migrantes parte do sul do México rumo aos Estados Unidos para chegar tempo da Cúpula das Américas
Biden - Imigração - Internacional - Mundo - 3 semanas atrás

Caravana de migrantes parte do sul do México rumo aos Estados Unidos para chegar tempo da Cúpula das Américas

Pelo menos 6.000 pessoas, segundo a agência de noticias Reuters, deixaram a cidade fronteiriça de Tapachula, no estado mexicano do Chiapas que faz fronteira com Honduras.

REUTERS Milhares de migrantes, muitos da Venezuela, partiram do sul do México nessa segunda-feira,06, com o objetivo de chegar aos Estados Unidos a tempo para coincidir com a Cúpula das Américas que tem inicio essa semana em Los Angeles. Ativistas a favor da imigração e das fronteiras abertas disseram que o grupo pode ser uma das maiores caravanas já formada na região nos últimos anos com destino aos Estados Unidos.

Pelo menos 6.000 pessoas, segundo a agência de noticias Reuters, deixaram a cidade fronteiriça de Tapachula, no estado mexicano do Chiapas que faz fronteira com Honduras. O Instituto Nacional de Migração do México (INM) não forneceu uma estimativa do tamanho do grupo ou alguma outra informação adicional sobre a caravana.

O organizador da caravana, Luis Garcia Villagran, disse que o grupo representava várias nacionalidades de pessoas fugindo de dificuldades em seus países de origem, incluindo muitas da Venezuela.

“São países em colapso da pobreza e da violência”, disse ele. “Pedimos fortemente àqueles que participam da cúpula … olhar para o que está acontecendo, e o que poderia acontecer ainda mais no México, se algo não for feito em breve.”

Espera-se que o presidente dos EUA, Joe Biden, anuncie um pacto regional sobre migração no final da semana. Os migrantes, incluindo crianças, começaram sua viagem cedo sob chuva e se espalharam por várias pistas da rodovia, com alguns usando ponchos de plástico e segurando guarda-chuvas.

Grandes caravanas dirigidas aos Estados Unidos também viajaram pelo México em 2018 e 2019, a maioria composta por centro-americanos, seguidas por grupos menores nos últimos anos.

O migrante colombiano Robinson Reyes, 35, disse esperar que o grupo atraia a atenção dos líderes na cúpula. “Queremos um futuro para nossos filhos… queremos atravessar o México sem problemas”, disse ele.

Deixe um comentário

Leia também

Bolsonaro diz a TV americana que EUA podem virar país isolado se esquerda vencer no Brasil

ESTADÃO – O presidente Jair Bolsonaro afirmou em entrevista à emissora de televisão …