Home Mundo Brasileira presa na Tailândia por tráfico é condenada a 9 anos e 6 meses de prisão, diz advogada
Mundo - Policial - 1 semana atrás

Brasileira presa na Tailândia por tráfico é condenada a 9 anos e 6 meses de prisão, diz advogada

Da Redação – A brasileira Mary Hellen Coelho, presa na Tailândia por tráfico internacional de drogas, foi condenada pela justiça do país a 9 anos e seis meses de prisão. A informação foi confirmada, na manhã desta quinta-feira (12), pela defesa da jovem, por meio de nota publicada nas redes sociais.

Segundo o comunicado da advogada Kaelly Cavoli Moreira, a pena foi divida em 2 anos por crime civil e 7 anos e seis meses por crime penal. A profissional informou ainda que aguarda a cópia do processo para “estruturar os próximos passos”.

“Nós estamos na contramão de penas desumanas. Hoje, a minha alegria, em particular, é porque é uma pena considerada possível. Inclusive, pelo pedido de extradição”, comentou Kaelly em seu perfil.

Mary Hellen foi detida ao desembarcar no aeroporto de Bangkok, a capital tailandesa, em fevereiro deste ano, com cocaína na mala. Outros dois brasileiros foram presos na mesma data no terminal.

Os três saíram de Curitiba, no sul do Brasil. Apenas um dos homens estava no mesmo voo da mineira. Os amigos e a família não sabem se eles se conheciam.

Quem é Mary Hellen

Mary Hellen Coelho Silva nasceu em setembro de 2000 no Rio de Janeiro. Antes de embarcar para a Tailândia, ela morava com a mãe, que morreu em Abril desse ano, e seus quatro irmãos em Pouso Alegre, no Sul de Minas Gerais, onde foi criada.

Antes de ser presa por tráfico de drogas na Tailândia, Mary Hellen trabalhava em uma churrascaria de Pouso Alegre com carteira assinada. A irmã dela, Mariana Coelho, informou que a irmã pediu demissão alguns dias antes de viajar para Curitiba.

Deixe um comentário

Leia também

Elon Musk desafia acusadora abuso sexual para descrever como são suas partes íntimas

JSNEWS – Elon Musk disse que a mulher que o acusou de má conduta sexual de ser uma &…