Home Internacional Boston passara a exigir comprovante de vacinação em ambientes fechados a partir de 15 de Janeiro
Internacional - Local - Mundo - Novo Normal - Saúde - 12/20/2021

Boston passara a exigir comprovante de vacinação em ambientes fechados a partir de 15 de Janeiro

JSNEWS – Na manhã dessa segunda-feira, a prefeita de Boston, Michelle Wu, anunciou que a cidade de Boston passará a exigir a prova de vacinação para frequentadores de ambientes fechados como bares, restaurantes e estabelecimentos de entretenimento e recreação indoor, incluindo academias, a exigência entrará em vigor a partir de 15 de janeiro de 2022.

Uma lista completa de empresas cobertas inclui:

  • Áreas de jantar cobertas: Porções internas de estabelecimentos de foodservice que oferecem comida e bebida, incluindo restaurantes, bares e todas as áreas de jantar cobertas de estabelecimentos de foodservice.
  • Entretenimento indoor, recreação e espaços de eventos: cinemas, locais de música ou concertos, eventos comerciais e locais de festa, museus e galerias, arenas esportivas profissionais e estádios internos, centros de convenções e salas de exposições, teatros de artes cênicas, pistas de boliche e outros centros recreativos.
  • Academias cobertas e ambientes fitness: academias comerciais, fitness, yoga/pilates/barre/dance studios, academias de boxe/kickboxing, boot camps de fitness, piscinas cobertas e outras instalações usadas para a realização de aulas de ginástica em grupo.

A nova orientação da Comissão de Saúde Pública de Boston busca aumentar as taxas de vacinação entre os residentes e retardar a disseminação do COVID-19 e da nova variante Omicron.

“As vacinas são a ferramenta mais poderosa que temos para combater essa pandemia. A vacinação salva vidas, e fechar as lacunas de vacinação é a melhor maneira de apoiar e proteger nossas comunidades, empresas e instituições culturais durante essa pandemia”, disse a prefeita Michelle Wu. “A grande maioria das internações relacionadas ao COVID são de indivíduos não vacinados, o que está afetando todo o nosso sistema de saúde e comprometendo a saúde de nossas comunidades. Os passos de hoje para proteger os membros da comunidade em certos estabelecimentos internos e em toda a nossa força de trabalho da cidade ajudarão a garantir que todos em Boston estejam seguros. A prefeitura deve derrubar barreiras e direcionar nossos recursos para facilitar o acesso aos testes e vacinação para proteger nossa cidade e todas as nossas comunidades”.

A prefeita Wu também confirmou que todos os funcionários da cidade de Boston devem ser vacinados. Ela acrescentou que a prefeitura planeja retirar a opção de teste semanal para os funcionários que optaram por não se vacinar.

Durante a conferência de imprensa, a prefeita Wu foi acompanhada pelo diretor executivo da Comissão de Saúde Pública de Boston e pelos outros membros de seu recém-formado Comitê Consultivo COVID-19.

O anúncio ocorre quando os casos de Covid-19 continuam subindo na cidade. Com base nos dados mais recentes da cidade, Boston tem uma média de 370 casos positivos por dia. Em outubro desse ano a cidade registrava cerca de 80 casos por dia. A taxa de ocupação das UTI´s na cidade é de 95%.

Deixe um comentário

Leia também

Consciência – uma breve reflexão

Por: Eliana Pereira Ignacio – Olá meus caros leitores, hoje venho falar de um tema a…