Home Biden 30% dos imigrantes detidos em instalações de fronteira recusaram a vacina contra COVID-19
Biden - Imigração - Mundo - Novo Normal - 1 semana atrás

30% dos imigrantes detidos em instalações de fronteira recusaram a vacina contra COVID-19

O ICE não obriga pessoas a serem vacinadas compulsoriamente

JSNEWS – Aproximadamente 30% dos imigrantes alojados nos centros de detenção na fronteira recusaram a vacina contra o coronavírus, de acordo com um relatório divulgado nesta quinta-feira pela Immigration and Customs Enforcement (ICE).

Os imigrantes detidos têm recusado a vacina pelos mesmos motivos que muitos americanos, eles são céticos quanto à segurança e a eficácia da vacina. O ICE distribuiu mais de 9.500 doses da vacina de dose única da Johnson & Johnson.

“O Departamento de Segurança Interna continua seus esforços de vacinação para incluir vacinações voluntárias para indivíduos sob os cuidados e custódia do Departamento de Imigração e Alfândega dos EUA”, disse um porta-voz do ICE no comunicado que foi divulgado em um momento em que os casos de coronavírus estão aumentando nos centros de detenções à medida que o número de imigrantes ilegais são mantidos nessas instalações e continua a aumentar em meio à luta do governo Biden para responder as demandas recorde de travessias ilegais na fronteira entre México e Estados Unidos.

De Abril a Junho deste ano, mais de 7.500 novos casos de COVID foram registrados em centros de detenções de imigrantes e as autoridades de saúde pública atribuíram o alto número de infecções à rejeição vacinal demonstrada pelos internos.

Em maio, a American Civil Liberties UnionACLU pediu ao secretário do DHS, Alejandro Mayorkas, e ao diretor interino do ICE, Tae Johnson, exigindo que os imigrantes ilegais em centros de detenção tivessem acesso imediato à vacina.

Entretanto o ICE não obriga pessoas a serem vacinadas compulsoriamente.

Deixe um comentário

Leia também

Abertura das Olimpíadas tem estádio vazio e protestos

A cerimônia de abertura das Olimpíadas de Tóquio foi realizada nesta 6ª feira, 23, com o e…