Home Biden 11 de janeiro, Dia Nacional da Conscientização do Tráfico de Pessoas nos Estados Unidos
Biden - EUA - Imigração - Internacional - Mundo - Novo Normal - Policial - 2 semanas atrás

11 de janeiro, Dia Nacional da Conscientização do Tráfico de Pessoas nos Estados Unidos

Para obter ajuda da Linha Direta Nacional de Tráfico de Pessoas (Nos USA), ligue para 1-888-373-7888 ou envie um SMS HELP ou INFO para 233733 (BEFREE).

JSNEWS – Terça-feira, 11 de janeiro de 2022, é o Dia Nacional de Conscientização do Tráfico de Pessoas nos Estados Unidos, a data foi escolhida pelo senado americano para elevar a conscientização dos males associados ao tráfico humano e à escravidão moderna.

O tráfico de pessoas é uma das atividades criminosas que mais cresce no mundo e requer a colaboração das autoridades federais, estaduais e locais para combate-la de forma efetiva e representa um desafio a segurança interna dos Estados Unidos agravado pela porosidade de suas fronteiras terrestres.

Nos Estado Unidos o tráfico de pessoas é definido pelo Departamento de Segurança Interna (DHS) como aquele que envolve “o uso da força, fraude ou coerção para obter algum tipo de ato sexual comercial ou trabalhista”.

Todos os anos, milhões de homens, mulheres e crianças são traficados em todo o mundo. O trafico de pessoas pode acontecer em qualquer comunidade e as vítimas podem ter qualquer idade, raça, sexo ou nacionalidade. Além disso, os traficantes podem usar violência, manipulação ou falsas promessas de empregos bem remunerados ou relacionamentos românticos para atrair vítimas para situações de tráfico.

Muitas pessoas em todo o país estão vestindo azul nesse dia, 11 de janeiro, e marcando postagens nas redes sociais com #WearBlueDay em um esforço para criar uma conscientização sobre o tráfico humano e como combatê-lo.

Enquanto o contrabando humano envolve mover ilegalmente uma pessoa ou um grupo de pessoas através de uma fronteira como a do México para os Estados Unidos, o tráfico humano envolve a exploração ilegal de alguém independentemente de seu status de cidadania.

O tráfico humano toma várias formas. Qualquer um pode ser uma vítima.

As vítimas incluem homens, mulheres, crianças, cidadãos americanos e estrangeiros.

As formas comuns de tráfico humano incluem forçar ou manipular as vítimas para:

  • Prostituição, trocar sexo por dinheiro
  • Escravidão, fornecer mão-de-obra em fábricas, fazendas ou outras empresas com baixo ou nenhum salário;
  • Submeter pessoas à servidão doméstica como babás, empregadas domésticas, jardineiros ou outros trabalhadores domésticos.
  • Submeter crianças ao trabalho sexual é uma forma particularmente trágico e horripilante de tráfico humano.

A Linha Direta Nacional de Tráfico humano, disponibilizado pelo DHS, é operada pela Polaris, uma ONG sem fins lucrativos, que afirma ter ajudado milhares de  vítimas e sobreviventes do trafico através da Linha Nacional de Tráfico De Pessoas nos EUA.

Para obter ajuda da Linha Direta Nacional de Tráfico de Pessoas (Nos USA), ligue para 1-888-373-7888 ou envie um SMS HELP ou INFO para 233733 (BEFREE).

No início deste mês, o presidente Joe Biden disse em um comunicado sobre o Mês Nacional de Prevenção ao Narcotráfico humano: “O tráfico humano – seja sob a forma de trabalho forçado, tráfico sexual ou outros delitos – é um abuso abominável de poder e um crime profundamente imoral que atinge a segurança, a saúde e a dignidade de milhões de pessoas em todo o mundo.”

Para situações envolvendo trafico de imigrantes click aqui.

 

 

Deixe um comentário

Leia também

Avião com 211 brasileiros deportados dos EUA pousa em MG; 90 são crianças

Kariane Costa (Repórter da Rádio Nacional) – Um voo com 211 brasileiros deportados d…