INTERNACIONAL

Voltar

Trump diz que Kim Jong-un honrará 'contrato' firmado

- 10 de Julho por AP

AP - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, manifestou nesta segunda-feira (9) sua "confiança" em que o líder norte-coreano, Kim Jong-un, honrará o "contrato" firmado por ambos em seu histórico encontro de 12 de junho em Singapura.

"Confio em que Kim Jong-un honrará nosso contrato firmado e, mais importante, nosso aperto de mãos", declarou Trump em uma mensagem no Twitter, na qual também sugeriu que a China pode estar exercendo uma "pressão negativa" sobre esse entendimento.

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, afirmou neste domingo (8) que a Coreia do Norte "reafirmou seu compromisso com a desnuclearização" durante sua recente visita ao país.

Pompeo disse que as conversas de quinta (5) e sexta-feira (6) foram "muito produtivas", desenvolvidas com "boa fé" e continuarão nas próximas semanas, acrescentando que Pyongyang concordou com a destruição de uma instalação de mísseis.

O chefe da diplomacia americana fez estes comentários durante uma entrevista coletiva em Tóquio, ao lado dos ministros das Relações Exteriores do Japão e Coreia do Sul, que também afirmou que as sanções sobre Pyongyang seguirão vigentes até sua total desnuclearização.

A agência de notícias oficial da Coreia do Norte, a KCNA, no entanto, classificou o resultado da conversa com a delegação americana como "extremamente preocupante", acusando-a de insistir na desnuclearização completa, verificável e irreversível. O objetivo inicial da reunião para os americanos era estabelecer uma agenda detalhada para esse processo.

O "caminho mais rápido" para alcançar uma península coreana livre de armas nucleares seria por meio de uma abordagem gradual em que ambos os lados tomassem medidas ao mesmo tempo, disse a KCNA, em um comunicado citando um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores.

"A atitude americana e as posições tomadas durante as discussões de alto nível na sexta-feira e sábado foram extremamente lamentáveis", declarou o ministério das Relações Exteriores norte-coreano, em comunicado citado pela agência de notícias sul-coreana Yonhap.

mais populares
edição online
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
- 10 de Julho - IMIGRAÇÃO

Família de Anne Frank tentou fugir várias vezes para os EUA

Com a ascensão do nazismo na Europa, a família de Anne Frank tentou várias vezes imigrar para os Estados Unidos, mas viu seus esforços fracassarem...


- 09 de Julho - ESPORTES

Papa consola fiéis brasileiros após eliminação do Brasil na Copa

O papa, nascido em Buenos Aires e torcedor fanático do time San Lorenzo de Almagro, nunca escondeu sua paixão pelo futebol, mas não se sabe se ele...


- 06 de Julho - ESPORTES

Goleiro da Bélgica - 'Os brasileiros já pensavam que iriam ganhar a Copa do Mundo'

A classificação da Bélgica para as semifinais da Copa do Mundo da Rússia também passou pelas mãos de Courtois. O gigante de 1,99 fez grande defesa no...


Guia Comercial

Os melhores negócios e empresas você só encontra aqui.

SAIBA MAIS
Anuncie grátis aqui !