IMIGRAÇÃO

Voltar

Nova política dos EUA reduz chegada de cubanos ilegais

- 14 de Dezembro por ANSA

ANSA - O Departamento de Estado norte-americano divulgou que a entrada ilegal de imigrantes cubanos no país diminuiu em 64% de janeiro a dezembro.

O principal fator para a queda é o fim da política "pés secos, pés molhados", que favorecia quem conseguia chegar em solo americano mesmo sem autorização.

A medida "pés secos, pés molhados" garantia o visto americano permanente para imigrantes de Cuba que colocassem que pisassem nos EUA, mas foi suspensa por Barack Obama em janeiro deste ano, quando ainda era presidente. O fim da política foi crucial para a diminuição em 71% do fluxo migratório.

O Departamento de Estado informou os dados na terça-feira (12), após a 31ª conferência bilateral sobre imigração. Os EUA ainda divulgaram que atingiram a meta anual de emitir 20 mil autorizações de residência a cubanos.

Apesar disso, Cuba afirmou que a decisão de cortar a emissão de vistos em Havana estava "prejudicando seriamente" as famílias.

Em setembro, 60% dos funcionários da Embaixada dos Estados Unidos de Cuba foram retirados, após sofrerem "ataques acústicos". Embora Cuba tenha população de 11,2 milhões de habitantes, estima-se que 2 milhões de cubanos vivam nos Estados Unidos.

 

mais populares
edição online
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
- 19 de Abril - BRASIL

Gleisi apela ao 'mundo árabe' para libertar Lula

Senadora disse também que a Globo está pressionando o Judiciário brasileiro a não conceder a liberdade a Lula, apesar de ela estar prevista na...


- 18 de Abril - ESPORTES

Militantes do MST chama torcida organizada do Coritiba de 'coxinha' e são agredidos

O Coritiba FC é conhecido pelo apelido de 'Coxa Branca' ou simplesmente 'Coxa', ao serem chamados de coxinhas os torcedores consideraram que a ofensa...


- 18 de Abril - ESPORTES

Neymar garante que chegará bem à Copa do Mundo

Um mês e meio após passar por cirurgia no pé, o atacante Neymar disse nesta terça-feira que se recupera bem, prevê retorno aos treinos em um mês e...


Guia Comercial

Os melhores negócios e empresas você só encontra aqui.

SAIBA MAIS
Anuncie grátis aqui !